Bullguer inaugura sua primeira unidade em Brasília

1841

Da Redação
Foto: Divulgação

Com 120 mil clientes atendidos por dia, nas 13 lojas já em funcionamento em São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, a Bullguer abre sua primeira unidade em Brasília, na comercial da 410 Sul. Com ingredientes de qualidade e serviço rápido, a rede foi a primeira no Brasil a adotar o smash burger e marcar o pão com a logomarca.

A nova loja tem 85 lugares e oferece o mesmo serviço ágil e despojado praticado nas outras unidades. Todos os hambúrgueres são servidos em embalagens descartáveis e têm preços entre R$ 18 e R$ 25. Para pedir o lanche, o cliente se dirige ao caixa e, após o pagamento, recebe um sensor luminoso que o avisa quando o pedido estiver pronto, para que seja retirado no balcão.

Um pouco menores que os de outras casas do gênero, os hambúrgueres da Bullguer são elaborados com 100g de carne 100% Black Angus, na medida da fome e sem exagero. A porção de proteína compõe cinco combinações do menu fixo e uma versão especial por mês. Os discos de carne são preparados a partir da técnica de smash burger, na qual o blend vai à chapa moldado como uma bola e é esmagado com a espátula depois de atingir o ponto ideal de caramelização, o que faz com que continue suculento com cor e sabor preservados. Essa forma de fazer hambúrgueres é bastante comum nos Estados Unidos e chegou ao Brasil pelas mãos da Bullguer em 2015.

Outra inovação adotada primeiramente pela Bullguer no país foi a marcação da logo no pão com um stencil em brasa, que acabou se tornando tendência entre casas do gênero. É justamente daí que vem o nome de um dos carros-chefes da Bullguer, o Stencil (R$22), composto por carne, queijo prato fundido, cebola roxa, alface, tomate e molho especial à base de páprica. Já Lumberjack (R$22), outro queridinho da casa, leva carne, queijo, bacon e picles. Enquanto isso, o Bullguer (R$20) é montado com os mesmos ingredientes, mas não inclui as tiras de carne suína defumadas.

Vendidas a R$18, as opções mais baratas são o Standard, com pão, carne e queijo, e o Bulldog, cachorro-quente com salsicha frankfurt enrolada em bacon e passada na chapa, acompanhada por salada coleslaw, de repolho com cebola roxa e maionese. Ótima opção para os vegetarianos, o Cheese Please (R$25), é feito com um disco de 100g de queijo camembert empanado em farinha panko, além de molho, alface e tomate.

No Chicks (R$20), um hambúrguer de frango crocante é coberto por queijo, cebola roxa, alface e maionese da casa. E no Fisherman (R$25), o peixe é preparado como um tempurá antes de ser servido com queijo, alface e molho. Todos os sanduíches podem ganhar carne e queijo dobrados, por mais R$9.

Para acompanhar, a casa oferece as Batatas Crinkles (R$9), que são onduladas, fritas e temperadas com páprica. As porções são servidas com a maionese da casa, que pode ser consumida à vontade. Há também a opção de adicionar às fritas uma generosa porção de queijo fundido cremoso, por R$5 a mais.

Na seleção de bebidas, há o Milkshake (R$16) disponível no sabor chocolate crocante com avelã. Outras possibilidades são a Berrie Lemonade (R$9), bebida refrescante feita na casa, com base de limão e frutas vermelhas; refrigerante (R$6, com refil), chá gelado (R$7) e chopp Heineken (R$9, 330 ml).

As sobremesas também seguem a máxima de que “menos é mais”: a Apple Pie (R$18) é uma torta de maçã assada, ao estilo americano, servida quente com sorvete de creme e caramelo, enquanto o Sundae (R$14), de creme e de máquina, recebe como topping pedaços e farofa do famoso Brownie do Luiz, além de calda de chocolate. Por fim, há ainda a casquinha de creme (R$5).

Dica:
Bullguer Brasília
CLS 410, Bloco C, Loja 5
Tel: 3554-1777
Horário de funcionamento: Diariamente, das 12h à meia-noite
www.bullguer.com